sexta-feira, 28 de abril de 2017

Gilmar Mendes, STF, resolve soltar outro empresário-bandido

O ministro Gilmar Mendes, STF, resolveu libertar outro empresário envolvido em grossas patifarias. Desta vez foi Eike Batista.

O STF estávsoltamndo um por um e o maestro da orquestra é Mendes.


Marcel acusa Edegar Preto, PT, por impor greve branca na Assembléia do RS

Ao lado. Edegar Preto, que fez o que se esperava que fizesse.
Marcel e sua equipe foram trabalhar.

O deputado gaúcho Marcel Van Hatten tirou nota esta tarde para acusar  o presidente da Assembléia do RS., Edegar Preto, PT, por impor greve branca no Parlamento, tudo visando apoiar a CUT e o MST nos fracassados protestos de hoje.

O deputado do PT não consultou ninguém para fechar a Assembléia, coisa que nem a ditadura militar conseguiu.

Marcel Van Hatten alegou que os deputados gastam R$600 milhões por ano para abrirem as suas portas e servirem ao povo.

O fracasso da greve geral é mais uma derrota da vanguarda do atraso.

Lula e Dilma vão amanhã a Rio Grande para apoiar Polo Naval que ajudaram a destruir

O prefeito de Rio Grande, o petista Alfredo Lindenmeyer, confirmou a presença de Lula e Dilma em protestos programados no Estaleiro Rio Grande, onde foram paralisadas as obras da plataforma P-71.

Lula e Dilmas saquearam a Petrobrás, única cliente do estaleiro, que agora não tem mais encomenda e nem dinheiro.

Antes mesmo de ser adquirido pela Engevix, a atual proprietária, o estaleiro Rio Grande era da WTorre, que venceu a licitação para a construção do terminal mesmo sem ter a propriedade do terreno onde seria erguido.

Engevix e WTorre está envolvidas até a orelha na Lava Jato, que também busca malfeitos de Lula e de Dilma.

IPVA para placas de final zero poderá ser pago na terça-feira

O prazo de pagamento do IPVA 2017 para veículos com placas terminando com a numeração zero, cujo vencimento etava previsto para hoje, foi prorrogado para terça-feira.

Como se sabe, os bancos estão fechados por causa da greve pelega lulopetista.

Sartori manda pagar mais R$ 900,00 para cada servidor do Executivo. Com isto, quita 76% da Folha.

Depois de pagar, ontem, R$ 3 mil para cada servidor do Executivo, o governo do RS anunciou, hoje, o pagamento de mais R$ 900,00.

Assim, quem recebe até R$ 3.900,00, terá recebido tudo. O valor representa 76% da Folha (89% dos professores).

A Folha de Pessoal do governo gaúcho (valor líquido) de abril é de R$ 1,1 bilhão.

Na terça-feira, o governo terá que pagar a prestação mensal da dívida com a União, que é de R$ 93 milhões.

Fiesp diz que também não quer mais receber o imposto sindical. No RS, Fiergs cala.

Fiesp e Firjan anunciaram publicamente que abrem mão do imposto sindical, que ao contrário do que muita gente pensa, não beneficia apenas sindicatos e centrais como CUT e Força Sindical.

A Fiergs, Porto Alegre, não tosse e nem muge sobre o caso.

A Fiergs está mudando de presidente e não gosta de falar sobre imposto sindical  e contribuições para o Sistema S ( Senai e Sesi), que são muito superiores.

O imposto sindical irriga as contas dos sindicatos e centrais tipo CUT e Força Sindical com R$ 2,6 bilhões por ano, enquanto que os sindicatos e centrais patronais tipo Fiesp, Firjan e Fiergs levam R$ 934 milhões.

É muito dinheiro.

Por decisão do governo Lula, 2008, ninguém fiscaliza nada.

Ex-Tractebel decide vender as usinas de carvão Jorge Lacerda e Pampa Sul

O grupo belga Engie, ex-Tractebel, com forte atuação em SC e no RS, decidiu vender as usinas Jorge Lacerda, Tubarão,SC, e Pampa Sul, Candiota, RS.

As duas usinas são termoelétricas movidas a carvão.

A Pampa Sul ainda está em construção. 55% do total de R$ 1,8 bilhão do investimento já foram alocados na construção. A Pampa Suil gerará 340MW.

A ex-Tractebl decidiu descarbonizar seu parque de geração de energia.

Temer vai falar

O presidente Michel Temer vai falar no final da Tarde. Ele vai comemorar a derrota da vanguarda do atraso, cuja greve política de hoje foi obra de pelegos da lulopetista CUT e dos pelegos fisiológicos da Força Sindical.

A CUT visa atacar a Lava Jato e salvar o chefe da prisão por corrupção, enquanto que a FS busca manter a mesada do Imposto Sindical.

Prefeitos gaúchos já sabem quem será o próximo presidente da Famurs

O  próximo presidente da Famur será Salmo Dias de Oliveira. Ele é de Rio dos Índios.

Marchezan manda limpar os dejetos deixados pela greve pelega lulopetista

Da mesma forma que seu colega de SP, João Doria, o prefeito de Porto Alegre avisou que está trabalhando, como a maioria dos gaúchos.

Só não trabalham sindicalistas pelegos e chapas brancos, servidores bem avisados e pequenas franjas de empregados de bancos e transportadoras de passageiros.

É greve política que visa defender Lula e atacar a Lava Jato,.

Em SP, ameaçado de obstrução ao se deslocar para a prefeitura, João Doria avisou pelo Facebook:

- Vão acordar cedo, vagabundos ! Há muito tempo estou no trabalho, coisa que vocês nem devem saber do que se trata.

Em Porto Alegre, apesar das pichações e manifestações de minorias agressivas do peleguismo alojado na CUT e no Cpers, a vida segue normal.

O povo não é bobo.

Prefeito Busato, Canoas, antecipa para hoje o pagamento da Folha

O prefeito de Canoas, RS, Luis Carlos Busato, PTB, resolveu pagar o funcionalismo nesta sexta-feira e não no dia 5.

Busato quer antecipar o  calendário de pagamento da Folha, que sairia sempre no dia 1o.

Herança maldita dos governos Lula e Dilma, PT, eleva desemprego para 13,7%. Já estão sem trabalho 14,2 milhões de brasileiros

O Brasil registrou novo recorde de 14,2 milhões de pessoas desempregadas no trimestre encerrado em março de 2017. É o que revela a série histórica da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado divulgado nesta sexta-feira.

É herança direta dos desvairados governos do PT, que produziram severa recessão.

A taxa de desemprego passou de 10,9% no trimestre até março de 2016 para 13,7% no trimestre até março de 2017 - também a mais alta já registrada na série histórica da pesquisa.

Planalto quer Renan fora da liderança do PMDB no Senado

O Palácio do Planalto articula a destituição de Renan Calheiros da condição de líder da bancada do PMDB no Senado.

Feltes e Biolchi poderão ser chamados para votar a reforma da previdência e evitar resistência de Fogaça

Caso o deputado José Fogaça, PMDB, insista em votar contra a reforma da previdência, do mesmo modo que fez com a reforma trabalhista, o presidente Michel Temer pedirá que o governador Ivo Sartori libere os secretários Giovani Feltes e Márcio Biolchi para voltaram à Câmara.

Neste caso, Fogaça, que é suplente, voltaria para casa, mesmo sacrificando Mauro Pereira, o segundo suplente, que é fiel ao Planalto.

O ex-prefeito, no entanto, tem dado sinais de que poderá acompanhar o seu Partido na votação da reforma da previdência.

Governo Temer trabalha por maioria de 2/3 para votar reforma da previdência

O governo Michel Temer avisou que não recuaria das reformas trabalhista e previdenciária, mesmo que a greve pelega lulopetista de hoje fosse um sucesso.

Não foi um sucesso.

O caso mais delicado é o da reforma previdenciária, que precisa de 308 votos para garantir os 2/3, quorum necessário para garantir aprovação de qualquer PEC.

A proposta só será colocada em votação quando Padilha tiver contabilizado pelo menos 338 votos, portanto 20 de gordura.

No RS, deputados da base aliada que votaram contra a reforma trabalhista já são trabalhados para apoiar a reforma da previdência. O governo quer os votos de José Fogaça, Afonso Hamm e Sérgio Moraes, como também trabalha para que os deputados José Otávio e Giovani Cherini compareçam.

CLIQUE AQUI para entender melhor o que é a reforma da previdência.

Varejo gaúcho quer vender 6% mais no outono/inverno, diz AGV

A Associação Gaúcha do Varejo, AGV, projeta vendas 6% maiores durante as estações de outono/inv erno no RS.

CUT usa de extrema violência.Fracasso da greve pelega lulopetista fortalece reformas

O video que viraliza nas redes sociais e que vai abaixo, demonstra a extrema violência que a CUT e o PT usam hoje para parar aeroportos. As cenas covardes de 5 jagunços da CUT espancando um único homem são exemplares e demonstram o caráter criminoso da paralisação de hoje.

CLIQUE AQUI para examinar, tambem, vídeo do jornal Diário Popular, Pelotas, RS, no qual bandidos da CUT apedrejam e agridem motorista da Planalto Encomendas.

O fracasso da greve pelega lulopetista de hoje fortalece o Planalto e amplia as condições de aprovação da Reforma da Previdência pelo Congresso.

A greve só prosperou em franjas do serviço público e em áreas corporativas controladas historicamente pelos comunistas, como bancários e magistério público.

Milhares de trabalhadores resultaram impedidos de comparecer aos seus postos em função de violência física empreendida por bandidos armados contratados pela CUT e seus aliados da Força Sindical.

Artigo, Mário Mendes, Veja - Oh, que delícia de greve!

Observando o ribombar de comentários, opiniões e convocações para a Greve Geral marcada para essa sexta, 28 de abril. Tem a turma do “vamos mudar o Brasil”, a turma do “deixa disso”, a turma do “no passaran“, a turma dos “fiéis dos Santos dos Últimos Dias” – aquela que entende os motivos dos que não apoiam o movimento mas não perdoa uma falseta e te esfolará vivo, alegremente e com grande entusiasmo, no dia da vitória da Revolução – e a turma do “contra tudo que está aí” – a salvação dos sem bandeira.

(...)


O pequeno manual de comportamento grevista avisa, entre outras coisas, que não se deve ir “à restaurantes de qualquer espécie” – melhor deixar para outro dia conhecer aquele vegano hispter,  que dizem ser tão simpático, na Zona Oeste de SP – a “qualquer shopping mesmo que seja só na praça de alimentação” – não diz nada sobre o cinema e o combo balde de pipoca + refri 1 litro – nem “abastecer seu carro justo nesse dia”, ir “à academia” nem “à faculdade”. Quer dizer, nem pensar naquela azaração/ficada dos embalos de sexta à noite. Mas em nenhum momento menciona que é proibido incorporar a greve geral ao feriadão do Dia do Trabalho. Entendi que está liberado.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

PT não consegue entender apoio de Luciana Genro à Lava Jato

O lulopetismo passou a usar o site alinhado Sul21 para espinafrar a ex-deputada Luciana Genro. "Há algo errado com Luciana", escreve Paulo Muzzel, que se diz economista, na edição de hoje do site.

É que Luciana resolveu recorrer ao discurso de desconstrução do PT e de apoio à Lava Jato.

O Psol saiu da costela do PT e agora quer ocupar o espaço que o Partido perdeu.

GVT suspende repetidamente seus serviços de Web

Desde que a Vivo adquiriu o controle da GVT, o editor ficou sem serviços de internet pela 15a. vez em 30 dias, sempre por 24 horas.

E sem aviso ou explicação.

A Vivo destrói o conceito que tinha a GVT.

O editor irá demitir controlada e controladora.

PF abre nova fase da Operação Satélites e visa Renan Calheiros.

A Polícia Federal desencadeou há pouco a segunda fase da Operação Satélites, autorizada pelo STF. O alvo principal é de novo o senador Renan Calheiros, mas STF, PGR e PF comem o senador pelas bordas., É o que explica a prisão do advogado Bruno Mendes ligado a Renan.

Zero Hora decreta que 100 dias de Trump foram um fiasco

O jornal Zero Hora de hoje decretou que foram um fiasco os 100 primeiros dias de Donald Trump. O leitor poderá examinar a "análise" dos 100 dias na edição de hoje.

É um espanto, porque o presidente não ouve conselhos da RBS e nem de Zero Hora.

Fracassa a greve pelega em todo o Brasil. Lula perde de novo, desta vez nas ruas.

O cenário é parecido em todo o País. Os cartazes que convocaram a greve, demonstram que uma das chamadas principais da ação pelega é defender Lula (veja ao lado cartazes do PCO).

É um novo fracasso a greve pelega da lulopetista CUT e as outras sete centrais sindicais que estão a reboque da ação política promovida pelo PT, PCdoB, Psol, PSTU e PCO, que alegam protestar contra as reformas, quando se sabe que a parede visa obstruir a ação da Lava Jato.

Apenas setores aparelhados pelos comunistas seus aliados conseguiram parar, como em Porto Alegre são os casos de metroviários, bancários, rodoviários e franjas e professores públicos.

Há muita violência de jagunços patrocinados pelas sindicais, além de vandalismo.

Em Porto Alegre e Região Metropolitana, manifestantes interromperam a circulação de trens e ônibus e realizaram bloqueios em vias públicas. No restante do Estado, há rodovias federais, como BR-290, BR-116, BR-386 e BR-392, e outras estaduais, como RS-122 e RS-124, também foram bloqueadas. Elas são liberadas passo a passo ppelas PRF e Polícia Rodoviária Estadual, como também pelos próprios motoristas. Em diversos trechos há queimas de pneus.

Sem impedir a chegada dos trabalhadores aos seus postos, a greve fracassou.